Edição: 12028 Data: 23/06/2017

Notícias - Região

Alunos da região de Marília com projetos sociais de destaque podem ser Jovens Embaixadores nos EUA

23/06/2017 -


Alunos da rede são selecionados pelo programa Jovens Embaixadores e realizam intercâmbio nos EUA

Programa dá chance a estudantes de baixa renda e bom desempenho escolar a representar o Brasil em intercâmbio de três semanas


A boa ação e engajamento social podem garantir muita experiência e história para contar. Estão abertas as inscrições para a 16ª edição do programa Jovem Embaixadores, uma iniciativa da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e que leva estudantes entre 15 e 18 anos da rede estadual na região de Marília a um intercâmbio de 3 semanas no país. Ao todo, 50 jovens brasileiros são selecionados.

Para participar, os interessados devem cumprir alguns requisitos como realizar trabalhos voluntários há mais de um ano, ter conhecimento e fluência em língua inglesa, bom desempenho escolar, espírito de liderança e possuir baixa renda. As inscrições são online no site do programa (www.jovensembaixadores.org/2018/). É necessário preencher o pré-cadastro e aguardar o e-mail de confirmação. O cadastro vai até 9 de agosto.

O intercâmbio de três semanas inclui visitas a Washington e aos prédios da capital administrativa. Os vencedores também terão a oportunidade de participar de reuniões em órgãos públicos e privados sobre responsabilidade social e liderança jovem. A viagem está prevista para janeiro de 2018.

Na última edição, três alunos da rede paulista foram selecionados e integraram a delegação brasileira de Jovens Embaixadores. Todos se destacaram pelo trabalho social desenvolvido. Bruno Reis, da E.E Manuel Gouveia de Lima, de São Joaquim da Barra, foi voluntário da APAE de sua cidade; Gabriel Camarero, da E.E Carolina Lopes de Almeida, de Bauru, organizava oficinas de construção de instrumentos para jovens carentes e Gabriel Jesus, aluno da E.E Guiomar Camolesi, de Sorocaba, desenvolveu um projeto de teatro, integrando toda a comunidade escolar.

 


Mais Notícias