Garça,
Central do Assinante
Jornal Comarca de Garça

Postado em 06/10/2017 às 09:00

Garça registra o menor consumo de energia em quatro anos

Garça registrou o menor consumo de energia elétrica dos últimos quatro anos. É o que apontam dados de 2016, divulgados no último dia 29 de setembro em um estudo da Secretaria de Energia e Mineração. Trata-se do Atlas Energético do Estado de São Paulo, onde constam dados de todos os municípios. De acordo com os números, é o menor consumo registrado desde 2012, e na comparação com 2015, a queda é de 4,137%. Mesmo parecendo pouco expressivo, corresponde a 3.689MWh a menos. Os números se agigantam quando a comparação é referente a 2014 – ano em que se registra o maior consumo desde 2006 –. O que se vê em 2016 é uma queda de 9,03% no consumo de energia entre os garcenses. Apesar da redução, o gasto com eletricidade chegou a 85.471MWh (megawats/hora) na cidade no ano passado. 

Garça, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e Fundação Seade, possuía no ano passado 44.557 habitantes, tendo nas residências o maior consumo de energia – 38,18% -. Isso porque as casas ficam com 32.639MWh, de acordo com o estudo. Na sequência está a indústria com 19.841MWh e em terceiro o comércio – 12.758MWh.

O serviço público, em Garça, com 24 instalações, usa 5.218MWh, enquanto que a iluminação pública consome outros 5.197. O poder público fica com 2.356MWh e os moradores da região rural com 7.408. O consumo próprio vai para 4 casas.

Garça segue o ritmo do Estado de São Paulo, já que esse é o segundo ano consecutivo em que o território paulista consegue diminuir o consumo de energia. Mas a expectativa para os dados do ano que vem serão de aumento, conforme aponta o secretário de Energia e Mineração, João Carlos Meirelles. “A crise econômica derrubou em 4,8% o consumo de energia no Estado de São Paulo em comparação com o ano anterior. Esse foi o segundo ano consecutivo com diminuição no uso de eletricidade e combustíveis, mas em 2017 a estimativa é que tenhamos uma leve retomada com a volta da atividade industrial”, explicou.

Os números mostram que a crise econômica afetou sobremaneira o setor industrial (as demissões mostraram isso). O que se percebe a partir de 2010, quando a cidade vinha num crescente no consumo de energia, bem como num aumento no número de instalações industriais, é uma oscilação no consumo de energia com uma diminuição no número de instalações. Em 2014, numa mostra de recuperação, se registrou aumento no consumo da energia, que voltou a cair em 2015 e no ano passado.

No setor de comércio também a queda acontece de forma sucessiva, desde 2014. No ano passado o consumo de 12.758MWh nos estabelecimentos de comércio resultou na queda de 8,93% no consumo frente o ano de 2015.

Com relação à quantidade de instalações elétricas, no ano passado o número aumentou menos de 1% (0,42%) em relação a 2015. Eram 18.620 em 2015 e passaram para 18.700 no ano passado. 

 

Continue lendo no Central do Assinante. Não é assinante do Jornal Comarca On-line completo? Entre em contato: assinatura@jornalcomarca.com.br ou ligue (14) 3471-0782.

Leia Também

Última oportunidade:  Prefis termina na sexta-feira, dia 22
Garça registra aumento  em índice de participação
Semana de 16 a 22 de dezembro de 1977
Policial garcense recebe Medalha Tiradentes na Câmara de São Paulo
Home Geral - Policial - Região - Garça - Esportes - Editorial - Variedades - Social
Home - Contato
Jornal Comarca de Garça
Praça Pedro de Toledo, 235, Garça - SP
Fone/Fax (14) 3471-0782
Quem Somos | Edição Impressa | Assine | Contato
Desenvolvido por StrikeOn